domingo, agosto 23, 2015

Bela posta

Que bela posta dava este fim-de-semana futebolístico, mas não me apetece porque já jantei.

Dádivas de Deus

"Os evangélicos acreditam que Deus criou o mundo e cuidou dele com muito amor. Todo resíduo de bondade no planeta reflecte a 'graça universal' de Deus: o sol brilha, e a chuva cai sobre os que crêem. Todos os prazeres, inclusive beleza, sexualidade, arte e trabalho, são dádivas de Deus para nós, e dependemos da revelação de Deus para saber como apresentar os nossos desejos, para que neles encontremos satisfação, não escravidão."

In: Philip Yancey. Os sons da fé. Editora Vida, 2015, p. 205.

segunda-feira, agosto 17, 2015

A irrelevância do "relevante"

De um modo geral, há grande irrelevância naquilo que hoje é considerado relevante e indispensável. A vida é muito mais simples do que a fazemos.

quinta-feira, agosto 06, 2015

Ouvir por entre os silêncios

Aprendemos muito com as palavras ditas e as não ditas. Se não escutarmos bem as grandes lições que há no intervalo das palavras, nunca as iremos conseguir compreender.

terça-feira, agosto 04, 2015

Sinceramente errado

Se há coisa que se valoriza hoje é a sinceridade. A franqueza para se dizer tudo que se pensa é um dos pináculos do pensamento moderno. Será a sinceridade prova de acerto e verdade? Não me parece. Martin Lloyd-Jones, no seu excelente livro "Sincero, mas errado", escreveu que é possível uma pessoa estar sinceramente errada e genuinamente errada.

Obviamente que a sinceridade é importante, mas ela não comprova que uma pessoa está certa. Como bem o refere Ryle, nas suas Meditações no Evangelho de João: "Nem toda a sinceridade é de confiança". Por exemplo nas coisas espirituais: existem pessoas que pensam estar a servir a Deus de uma forma sincera e zelosa, mas na realidade estão a lutar contra a própria verdade que dizem defender e seguir. Saulo de Tarso é paradigmático nisto. Ele perseguia e matava os primeiros cristãos, pensando estar a fazer um bom serviço para Deus. Mais tarde, este mesmo Saulo, já transformado pela graça de Deus, diria que o zelo pela obra de Deus sem entendimento é inútil (Rm 10:2). Uma sinceridade desprovida de orientação amorosa causa sempre grandes males. O zelo e a sinceridade são coisas boas, mas devem ser motivadas com o discernimento do Espírito Santo e objectivadas para a glória divina.

quarta-feira, julho 22, 2015

"Love Is Why We Are Here!"

Um dia destes vi uma T-shirt com os seguintes dizeres: "Love Is Why We Are Here!" Não me saiu mais da cabeça. Há uma grande razão para existirmos e vivermos: o amor. Quem sabe que é amado, ama. Quem ama, sabe porque vive. Em tradução livre para português:
"O Amor é a razão porque estamos aqui".

sexta-feira, julho 17, 2015

Parabéns "Doutora" Rute!

Já passava largamente da meia-noite. Exausto, subi a escada para me deitar, quando de repente, a minha filha mais velha irrompeu aos saltos a gritar "Sou licenciada! Sou licenciada! Passei a tudo!" Saltei com ela (passou-me logo o cansaço!), dei-lhe um forte abraço e muitos beijinhos. Testemunhei que não foi nada fácil completar este difícil curso. Acabar nove cadeiras num só semestre foi uma grande proeza. Tenho a certeza que Deus recompensa sempre quem se esforça e trabalha. Embora muitos pintem o quadro negro, sabemos que melhor está por vir! Que esta vitória sirva para a glória de Deus! Parabéns 'Doutora' Rute!

domingo, julho 12, 2015

Fruto amoroso

"Não foram vocês quem me escolheram, mas eu vos escolhi a vocês e vos nomeei para irem e produzirem fruto, e fruto que perdure, de modo que o Pai vos dê tudo o que lhe pedirem em meu nome. É pois isto o que vos mando, que se amem uns aos outros."

Jesus Cristo, Bíblia Sagrada, versão "O Livro" (Living Bible), João 15:16,17.