quinta-feira, fevereiro 21, 2008

O exemplo das criancinhas

A minha filha Rute, preocupada com as finanças do pai, num dia destes, resolveu voluntariamente clicar dezenas de vezes (52 vezes, mais precisamente) no rectângulo azul do Google Adsense deste vosso querido blog, lá no computador da escola. Claro que depois de tantos cliques, a Google, que não é parva (vai à Media Markt), premiou-me com 0.00 dólares americanos. Agora que já lhe expliquei como isto funciona, a Rute anda a evangelizar as amigas dela para clicarem UMA SÓ VEZ no rectângulo azul. Algumas já prometeram ajudar com o seu caridoso clique. Sigam o exemplo das criancinhas, caros bloggers, não ajunteis cliques na terra, mas no CANTO. Grande será o vosso galardão.


Post adenda: Se procurarem no final da barra lateral encontrarão outros anúncios do Adsense. Ide e clicai.

7 comentários:

sofia disse...

lol...Pelo menos não a podes acusar de ser uma menina preocupada...
soffs

Lou Mello disse...

O pessoal do GoogeSense pediu para você parar de clicar no selo. Eles estão com medo de ir a falência.

Jorge Oliveira disse...

Tô contando com cê, viu Seu Lou?
Si clica.
Eheheheheh

Verme de Canteiro disse...

Tudo bem Jorge (esse pai meio chorão)...

Mas o que toca-me no texto é a voluntariedade de tua filha. Não é ela ainda muito jovem? Então, há um dito popular, mas de verdade presente, que diz: "Família que luta unida permanece unida!"

Abraço do patrício,

P.S.: Sim, eu sei - nem me diga, eu vou clicar lá!!!

Verme de Canteiro disse...

pronto já cliquei! Mas não achei outros "adsenses" como tu dizes não!

Outra dúvida: O que é aquele link(?) no qual se lê: "proibido clicar aqui"?

Estou curioso mas não cliquei!
Aguardo a tua (vossa - se preferir) rsposta.

Mauricio ./.

Jorge Oliveira disse...

Olá Mauricio,
Agradeço a tua gentileza. A minha filha mais velha fez recentemente 14 anos. Existe outro bloco de publicidade do Google Adsense, na parte final da barra lateral do blogue, mesmo por baixo do Babel Fish.
Quanto ao "Não clique aqui", só mesmo clicando é que vais descobrir. Mas garanto-te que vale a pena descobrir! :)

Abraços

Verme de Canteiro disse...

Ah! patrício jorge,

Claro que sou pecador por herança, por tendência e todas as demais possíveis combinações e argumentos.
Mas,
Dessa feita eu me livrei!
Já tinha visto a chamadinha à tentação mas juro que não havia ainda clicado, embora tenha ficado muito curioso e queria ter mesmo perguntado do que se tratava já algum tempo...
Que alívio, e embora tenha encontrado essa frase lá:
“Você apenas demonstrou uma tendência natural: a tendência a desejar o que é proibido e fazer o que não é permitido.”

Somente desta feita estou inocente...
É que cliquei somente depois do “CRIADOR” ter-me incentivado a tal...
Embora com o placar totalmente adverso, ao menos uma vez eu acertei!

Abraço,
Verme de canteiro