domingo, maio 24, 2009

Formigas, coelhos, gafanhotos e lagartos

"Há quatro pequenas coisas, mas que possuem um entendimento maravilhoso:

As formigas - que são uns animaizinhos sem defesa mas que sabem guardar no Verão a comida para o Inverno;

Os coelhos - animais também não muito fortes, mas que têm inteligência suficiente para construírem as suas habitações nas rochas;

Os gafanhotos - que apesar de não terem entre si um chefe, contudo sabem voar organizados, em enxames;

Os lagartos - que se podem apanhar com as mãos, mas que conseguem entrar até nos palácios dos grandes senhores."


Provérbios 30:24-28 (O Livro)


Previdência; Estabilidade; Organização; Posicionamento.
Tanta coisa sábia que os bichinhos pequenos ensinam aos grandes.

4 comentários:

RETIRO do ÉDEN disse...

Amigo...
Mas quais Grandes??? afinal quem é grande no meio desta bicharada toda?
Mas, e quem quer aprender???
Ah! Mas, há a Faculdade, o Mestrado, o Doutoramento, os Congressos, as Reuniões, etc.,etc.,com todo este tempo que se gasta...não há tempo para aprender coisas sem importância. Depois...quem passava o "canudo"? como se colocava essa aprendizagem no Curriculum? era mais um curso para saber como colocar isso.
É pena...tudo é simples nós é que queremos complicar.
Desculpe o trocadilho. Gosto de passar pelo seu Blogue acho-o digno de ler.
Um abraço
Mer

Jorge Oliveira disse...

Olá Mer
Os bichos (grandes) "somos nozes".
lol


Um abracinho.

Rubinho Osório disse...

E os grandes não aprendem, de jeito nenhum!!!

Jorge Oliveira disse...

Tens razão Rubinho. Custa-nos bastante aprender com as coisas mínimas.