segunda-feira, junho 27, 2005

As sardinhas dos Santos.

Neste fim-de-semana prolongado, relembrei que umas sardinhas e uns pimentos em cima de umas brasas são um óptimo meio para reforçar vínculos de amor e amizade.

“Logo que saltaram em terra, viram ali brasas, e um peixe posto em cima, e pão. Disse-lhes Jesus: Trazei dos peixes que agora apanhastes.” João 21:9,10.

4 comentários:

Vilma disse...

Talvez por essa razão Jesus procurava o tempo das refeições para se relacionar com as pessoas... para as conhecer e elas a Ele, para se soltarem, pois nada como uma boa refeição para fazer as pessoas serem elas mesmo!

Nuno Barreto disse...

É isso mesmo. Nada como nos juntarmos à volta da mesa para ficarmos a conhecer-nos uns aos outros, principalmente na nossa cultura portuguesa.

O pessoal quer é sardinhadas :)

entre-aspas disse...

Ainda bem que havia costoletas...
;))

JOINCANTO disse...

Ve-se mesmo que és "carnal" aspas....lol