sexta-feira, novembro 06, 2009

"Graças a Deus!"

A fé verdadeira não é a que diz "graças a Deus" somente quando as coisas correm bem, mas a que continua a dizer "graças a Deus" mesmo quando as coisas aparentemente correm mal.

Daniel foi levado refém para uma terra estranha de estranhos costumes. No cativeiro, e perante o édito do Rei Dário que proibia a oração a Deus e sentenciava à cova dos leões quem o fizesse, dizem as Escrituras que Daniel "três vezes no dia se punha de joelhos, e orava, e dava graças, diante do seu Deus" (Daniel 6:10). Daniel orava e dava graças diante de Deus, mesmo correndo o risco de morte.

A expressão “dar graças” aparece muito ligada ao louvor e à oração perseverante. Vemos isso em Neemias, nos Salmos, nos profetas. Jesus Cristo, em diversas ocasiões deu graças ao Pai. O Apóstolo Paulo nas suas orações costumava dar graças a Deus pelas igrejas e pelos seus irmãos (Efésios 1:16; 1 Tessalonicenses 1:2; 2 Timóteo 1:3).

Todas as coisas, boas ou más, contribuem para o bem daqueles que amam a Deus, precisamente porque, em última análise, tudo e todos estão sujeitos a Deus e à sua vontade soberana. O amor impele-nos à gratidão. Então porque é que tantas vezes reclamamos por tudo e por nada? Porque é que somos tão ingratos?

Deus sempre cuidará bem dos seus filhos. Façamos a nossa parte, sendo e vivendo gratos a Deus. Trabalhando, orando e confiando no Senhor que tudo pode, dando sempre graças a Ele por tudo. A vontade de Deus é que sejamos, em todo o tempo, gratos a Ele.


"Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco" (I Tessalonicenses 5:18)

5 comentários:

Lou Mello disse...

Você está bem? Foi raptado ou algo assim? Esse post não é seu. Muito longo. :)

Jorge Oliveira disse...

Olá Lou,

Eu estou bem, "graças a Deus". Tu é que parece que já tinhas sido arrebatado porque há meses que não comentavas no CANTO.

E sim, confirmo que este longo poste de 282 palavras e 1580 caracteres (contando os espaços) foi desgraçadamente escrito por mim. Não volta a acontecer.
:)

Ego ipse disse...

Na verdade como cristãos nem podemos viver sem dar graças porque a mensagem de Crsto recebemos sem qualquer esforço da nossa parte...

PS: "Graças a Deus" por estes posts longos.

Vilma disse...

Deverias escrever mais vezes "longamente" ! :)

Graças a Deus, tanto pelos longos como pelos teus curtos posts, que nos abençoam e edificam.

DTA

Jorge Oliveira disse...

A vossa amizade e simpatia, Ego e Vilma, também é loooooonga(nima).
:)))