segunda-feira, abril 21, 2008

O Pava me lincou


O CANTO já era meio famoso por terras da República Federativa do Brasil (é assim que se chama a santa terra descoberta por padeiros lusos de bigodes farfalhudos), agora que o Pava me (reparem no pronome pessoal abrasileirado “me” antes do verbo, deve ler-se com a nova pronúncia “mi”) lincou (a propósito, fará esta estranha palavra parte do novo acordo ortográfico? "Eu linco, tu lincas, ele linca..." Humm?) na sua emaranhada lista de mais de 400 blogues, posso ir ao Brasil comer uma boa picanha made in Brasiu e desfrutar em segurança do sol na Praia do Farol ou mesmo passear na bela praia de Copacabana.

Força Pava, a galera tá com tu!

Você abusou
Tirou partido de mim
Abusou
Tirou partido de mim
Abusou
Tirou partido de mim
Abusou...

2 comentários:

Thiago Bomfim disse...

Jorge, estudo Letras no Brasil, e é muito engraçado vê-lo tratar desse assunto.

Agora tenho que manifestar minha profunda indignação por ditarem o não-uso de pronome oblíquo no início do período. :)

Nas nossas gramáticas a única explicação para algo tão natural na fala do brasileiro, é a seguinte:

"Não se usa pronome oblíquo no início do período porque a forma não é aceita em Portugal".

Isso me tira o sono, amigo!

Abraços!

Jorge Oliveira disse...

Thiago,
E eu tenho pesadelos noturnos (repare-se na eliminação subtil do respectivo "c") diários com pronomes oblíquos gigantes a quererem comer-me.
lol